Como diminuir o colesterol comendo abacate? Estudo explica

Como diminuir o colesterol comendo abacate? Estudo explica

Seus benefícios para a saúde o tornam um aliado valioso para o bem-estar geral

O abacate, além de ser uma fruta deliciosa e versátil na culinária, é um verdadeiro presente para a nossa saúde. Uma pesquisa recente publicada no Jornal da Academia de Nutrição e Dietética comprovou que o consumo regular de abacate pode ser um grande aliado no controle do colesterol, especialmente para pessoas com níveis altos.

A pesquisa, que analisou diversos estudos sobre o consumo de abacate, concluiu que a fruta é eficaz na redução do colesterol LDL, conhecido como “colesterol ruim”. O LDL se acumula mais facilmente nas artérias, aumentando o risco de doenças cardiovasculares.

O estudo observou que o consumo regular de abacate proporcionou uma redução mais significativa do colesterol LDL em pessoas com níveis altos da substância. Para indivíduos com níveis saudáveis, a redução foi mais modesta.

Embora os estudos utilizassem diferentes quantidades de abacate (entre 100 e 300 gramas), não foi possível determinar a quantidade mínima diária ideal. No entanto, a nutricionista Soraia Batista recomenda o consumo médio de 100 gramas por dia para obter os benefícios do controle do colesterol e dos demais nutrientes presentes na fruta.

O abacate é rico em vitaminas A, B e K, além de minerais como potássio, manganês, ferro, cobre e zinco. A fruta também contém fibras, antioxidantes e gorduras monoinsaturadas, consideradas “gorduras boas” para o organismo. As informações são do Metrópoles.