10 pratos da culinária gaúcha que você pode fazer na sua casa

10 pratos da culinária gaúcha que você pode fazer na sua casa

Como temperos, ingredientes e modos de preparo descendem de anos de tradição e história, a culinária gaúcha vai muito além do churrasco e chimarrão

A culinária gaúcha é bastante famosa por todo o país, por ser diversa e deliciosa. Como temperos, ingredientes e modos de preparo descendem de anos de tradição e história, a gastronomia da região vai muito além do churrasco e chimarrão. Veja esses diferentes pratos típicos da culinária gaúcha que podem ser feitas facilmente em casa.

Confira 10 pratos típicos da culinária gaúcha:

Churrasco

Os gaúchos são conhecidos por serem especialistas no preparo das carnes. A origem do churrasco é atribuída aos países do sul da América Latina, como Uruguai e Argentina.

Xis gaúcho

O nome pode parecer muito com os dos lanches encontrados em outras partes do país. No entanto, o preparo do xis gaúcho é bem diferente. Começando pelo pão, que normalmente tem pelo menos 20 cm de largura. Já os recheios, podem variar entre coração de galinha, linguiça, charque, além dos ingredientes mais usuais, como queijo e hambúrguer.

Tainha assada

A tainha assada é um prato muito consumido nas regiões perto do rio Guaíba. Essa é uma receita bastante famosa e consumida principalmente nas festividades para Nossa Senhora dos Navegantes e na Festa do Mar, que ocorrem no estado. Normalmente ela é feita na brasa, presa em uma espécie de bambu-taquara. Por isso, costuma-se chamar o prato de tainha na taquara.

Galeto na brasa

A serra gaúcha é referência no preparo do galeto na brasa. O prato, que teve forte influência italiana, é servido em várias galeterias pelo estado todo. Sempre assado na brasa, depois de ter passado várias horas marinando em um tempero especial. Normalmente os restaurantes servem o galeto acompanhado de uma boa sopa de capeletti, salada de batata e até mesmo polenta frita.

Arroz carreteiro

A história conta que o surgimento desse prato se deu por carreteiros que sentiam fome durante a longa viagem nos pampas. Assim, usavam o charque (carne salgada e seca) misturado ao arroz para preparar sua refeição. Por resistir aos muitos dias de viagem, esses ingredientes eram perfeitos para o trajeto. Hoje em dia é possível encontrar variações dessa receita em várias partes do Brasil. Inclusive no próprio Rio Grande, onde muitas pessoas substituem o charque por carnes assadas, aproveitando as sobras dos churrascos.

Pinhão

O Rio Grande do Sul é um dos maiores produtores de pinhão. Além disso, os gaúchos amam esse ingrediente. Mesmo sendo consumido em outras partes da região sul, o pinhão também é um prato muito característico do Rio Grande. Ele pode aparecer incrementando outras receitas como entrevero, arroz carreteiro ou apenas como um aperitivo. Pode ser preparado assado ou cozido.

Entrevero

O entrevero é uma delícia e muito consumido em outras partes da região sul. O prato pode ser feito com vários ingredientes, como carne de porco, coração de frango, bacon e até mesmo com pinhão. A receita é basicamente uma mistura de carnes cozidas com alguns legumes, servido com acompanhamentos como arroz branco e purê de batatas.

Matambre recheado

O matambre é um pedaço de carne que fica por cima da costela do boi. Esse ingrediente é bastante consumido no Rio Grande do Sul, principalmente dessa forma, recheado. Provavelmente por influência dos países vizinhos como Argente e Uruguai que consomem bastante esse prato, os trabalhadores dos pampas também começaram a prepará-lo.

Doces da culinária gaúcha
Doces da culinária gaúcha

Cuca

A cuca é espécie de bolo normalmente acompanhado por uma farofa doce. Esse é um prato de origem alemã que sofreu algumas mudanças e hoje é muito preparado e consumido no Rio Grande. Existe até mesmo uma Festa da Cuca, em homenagem a essa receita deliciosa. A cuca pode ter como recheio frutas, geleias, chocolate e até goiabada.

Sagu de vinho com creme

O sagu com creme é uma das sobremesas mais tradicionais do Rio Grande do Sul. Dizem que ele surgiu da grande influência europeia na serra gaúcha. Pode ser preparado com vinho ou suco de uva e fica delicioso servido com creme de baunilha.

Na hora de escolher um bom fogão para o preparo desses pratos, conte com nosso comparador exclusivo. Nele, testamos as principais marcas e levamos essa informação exclusiva para nossos associados.